Novo Degase

Notícias

  • Audiência pública na Alerj discute criação de novas vagas para o Degase

    16/05/2019

    Por Ascom Degase e Alerj

    Na última terça-feira (14/05), o diretor geral do Degase, André Monteiro, participou de uma audiência pública na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), cuja pauta foi o perfil do adolescente em conflito com a lei no Estado e as políticas públicas atuais para essa área.

    Na ocasião, a juíza titular da Vara da Infância e da Juventude da Capital, Vanessa Cavalieri, apresentou um estudo, elaborado pelo órgão em que atua, com números que mostram a defasagem de vagas voltadas a jovens infratores no município do Rio de Janeiro. Vanessa defendeu a criação de novas vagas no sistema socioeducativo do Estado, que deverão ser distribuídas entre todas as regiões fluminenses; além do restabelecimento de programas de meio aberto, para que os adolescentes cumpram medidas sem que sejam internados e a efetivação do orçamento do Degase previstos pela Lei Orçamentária Anual (LOA).

    A presidente da comissão, deputada Rosane Felix, afirmou que o grupo vai marcar uma visita às unidades do Degase.

    - Sabemos que o tema é polêmico, mas precisamos achar um ponto de equilíbrio para que os adolescentes sejam ressocializados. A comissão está totalmente inserida neste tema e vamos continuar debatendo com órgãos públicos e com a sociedade civil – afirmou a deputada.

    Na mesma linha de consenso, o diretor-geral do Degase, André Monteiro, pediu que os poderes estaduais e a sociedade se unam para melhorarem as condições dos adolescentes infratores e dos agentes que trabalham na ressocialização.

    - Durante muitos anos, o Degase foi colocado em último plano. É preciso união para que possamos dar novas possibilidades de mudança de vida aos adolescentes – ressaltou o diretor.


    Voltar

  • Revista AÚ
Tecnologia: PRODERJ - Todos os direitos reservados