Novo Degase

Notícias

  • Fluminense inaugura escolinha de vôlei no Cense PACGC

    11/05/2018

    Por Ascom Degase e Comunicação do FFC 

    O Novo Degase inaugurou nesta quinta-feira (10/05), por meio de uma parceria com o Fluminense Football Club, a Secretaria de Estado de Educação (Seeduc), e a Secretaria de Estado de Esporte, Lazer e Juventude (Seelje), um projeto que levará aulas de vôlei às jovens que cumprem medidas socioeducativas. A escolinha acontecerá no Cense Professor Antônio Carlos Gomes da Costa (PACGC), unidade de internação feminina na Ilha do Governador, local que recebeu o evento de inauguração. 

    Estiveram presentes o secretário de Educação, Wagner Victer, o secretário de Esporte, Lazer e Juventude, José Ricardo Brito e o diretor-geral do Degase, Alexandre Azevedo, além de representantes do esporte do Fluminense como  Márcio Trindade, vice-presidente de Esporte Olímpico, Emanuel Rego, diretor executivo de Esporte Olímpico, Marcus Vinicius Freire, CEO do Tricolor, Francisco Alegria, diretor de Vôlei e Marcus Vinicius Bittencourt, vice Social, Cultural e Cívico. As atletas Sassá, Giovanna Fant, Julia Moura, Pamela Sanabio e Gabriella Dutra também estiveram no Cense PACGC.

    O diretor geral do Degase, Alexandre Azevedo, agradeceu em nome do departamento.

    - Agradeço a sensibilidade de vocês em olhar para aquele que precisa de oportunidades, carinho, exemplo. E não tem nada melhor que o esporte pra isso. Esse trabalho irá se propagar por anos e anos. Sou eternamente grato a vocês.

    Já Márcio Trindade, vice-presidente de Esporte Olímpico, ressaltou sobre a honra do Fluminense em poder participar de um projeto social e esportivo tão importante.

    - Através do esporte também é possível aprender sobre disciplina, perder, ganhar e recomeçar. Mesmo as que não pensam em seguir este caminho, que saibam que as portas estão abertas para muitas outras oportunidades. Mas eu realmente espero que daqui saia uma nova atleta do Tricolor.

    Para Emanuel Rego, diretor-executivo de Esporte Olímpico do clube, ressaltou a importância de parcerias que incentivem à pratica esportiva:

    - O papel do Fluminense é o de incentivar jovens. Convênios desse tipo ensinam valores como o trabalho em equipe e a busca pelo sucesso com disciplina e espírito de colaboração. Só posso desejar sucesso para as alunas, professores e todos que colaboram para que projetos como esse tenham cada vez mais êxito.

    A parceria ira beneficiar cerca de 50 jovens, com idade entre 12 e 18 anos, em cumprimento de medidas socioeducativas. A ação é fruto da contrapartida social da Lei de Incentivo ao Esporte e à Cultura. As aulas na unidade, que também atende a internação provisória, serão duas vezes por semana, as quartas e quintas, durante a manhã. O projeto também contempla uniforme e material esportivo, com redes e bolas.

    - O acesso a projetos esportivos também é parte importante no processo de ressocialização. O ganho para os jovens que participarão dessa iniciativa será enorme - afirmou o secretário de Estado de Educação, Wagner Victer.

    Voltar

  • Revista AÚ
Tecnologia: PRODERJ - Todos os direitos reservados