Novo Degase

Notícias

  • Alunos da Cidade de Deus visitam o Novo Degase

    26/11/2014

    Por Ascom

    Na última sexta-feira (14/11), cerca de 30 adolescentes da Escola Municipal Pedro Aleixo e cincos policiais militares da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) Cidade de Deus visitaram duas unidades do Novo Degase, na Ilha do Governador.

    A visita faz parte da intenção da equipe da UPP de conscientizar os jovens daquele bairro sobre o que é o Novo Degase, os locais em que os adolescentes cumprem medida socioeducativa, além de tantas outras dúvidas que os jovens têm em relação ao órgão que lida com os jovens em conflito com a lei

    Para o cabo Alexandre Moreira, um dos mentores do projeto, a intenção da PM  é mostrar a realidade e as consequências que certos atos podem ter.

     

    – Os moradores daquela região conviveram muitos anos com o domínio do tráfico, mas com a ocupação da UPP a situação melhorou. tudo, como certos conceitos que eles têm em relação aos crimes, principalmente os jovens. Queremos com a visita, que eles conheçam o lugar e se tornem multiplicadores, que passem aos outros que não vieram – disse o cabo.

     

    Após tomarem café da manhã na Coordenação de Educação, Cultura, Esporte e Lazer (Cecel) e conversarem com o diretor da Coordenação de Segurança e Inteligência, Ronaldo Miranda, sobre a relação dos jovens internados com os agentes, os alunos do 9° ano do Ensino Fundamental foram recebidos pelo coordenador da Cecel, George Fox, no auditório da Escola Socioeducativa Paulo Freire. Outros servidores também foram convidados a conversar com os alunos, como a professora Maria Minerva, diretora Regional Pedagógica da Divisão das Escolas Prisionais (Diesp).

    Os jovens também conheceram os cursos profissionalizantes do Centro de Capacitação Profissional (Cecap), acompanhados pela pedagoga Cláudia Araújo. Os meninos foram até a unidade de internação Escola João Luiz Alves (EJLA); e as meninas ao Centro de Socioeducação Professor Antônio Carlos Gomes da Costa (PACGC), unidade feminina de internação. Depois, os jovens retornaram à Cecel onde almoçaram.

    Voltar

  • Revista AÚ
Tecnologia: PRODERJ - Todos os direitos reservados